De Palma

direção: Noah Baumbach e Jake Paltrow
EUA, 2015, 109', COR, DCP
CINEMA DO MUSEU · dom · 30/10 · 19H25
de-palma-doc

d/p Noah Baumbach, Jake Paltrow m Matt Mayer, Lauren Minnerath

Sinopse: A vida de um dos cineastas mais talentosos, influentes e iconoclastas de todos os tempos. Brian De Palma começou sua carreria na década de 1960 e traz no currículo filmes aclamados como Carrie, a estranha, Vestida para matar, Um tiro na noite, Scarface, Dublê de corpo, Os intocáveis, entre outros. Neste inesperado documentário, os diretores Noah Baumbach (de Frances Ha e Mistress America) e Jake Paltrow se envolvem em uma reflexão pessoal e sincera com o próprio De Palma, explorando não só a sua vida e obra, mas também sua abordagem singular à arte do cinema.

CINEMA SÃO LUIZ · SEX · 28/10 · 18H45
CINEMA DO MUSEU · SEX · 04/11 · 17H
roteiro-sentimental

D,R: Lúcio Vilar M: Rogério Monteiro E: Foliões pernambucanos em desfile pelas principais avenidas no tradicional corso. P: Mirabeau Dias

Sinopse: Ensaio documental sobre Walfredo Rodriguez, o ‘primeiro cineasta’ paraibano que documentou o Carnaval do Recife de 1923. “Nice, Rio ou Recife” é o primeiro episódio de um perfil sobre o diretor que deve atuação multifacetada como artista plástico, fotógrafo, cineasta, jornalista, cronista, historiador e escritor no período 1915-1973.

O Último Trago

Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti
BRA, 2016, 93', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · QUI · 03/11 · 20H40
out_still_03

d Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti, pe Caroline Louise, r Francis Vogner dos Reis, Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti, f Ivo Lopes Araújo, m Clarissa Campolina, s Nicolas Hallet, e Mariana Nunes, Ana Luiz Rios, Larissa Siqueira, Samya de lavor

Sinopse: Após ser resgatada na estrada, a indígena Valéria inicia epopeia em um mundo sempre estrangeiro. Mais uma parceria dos diretores, este exercício de realização cinéfila se move com inquietude ideológica para dar vida a um enigma, cheio de passagens secretas entre o western, o cinema experimental e o surrealismo.

 

Represa

direção: Milena Times
faixa etária: livre
CINEMA SÃO LUIZ · QUA · 02/11 · 14H00
represa-03

e Sebastião Formiga e Verônica Cavalcanti d,r Milena Times p Igor Jatobá m Daniel Bandeira f Gustavo Pessoa da Thales Junqueira s Guga Rocha m Lara Klaus

Sinopse: Toda barreira tem sua fresta.

Quarto para alugar

direção: Enock Carvalho e Matheus Farias
BRA, 2016, 21', DCP, COR
faixa etária: 16 anos
CINEMA SÃO LUIZ · QUA · 02/11 · 14H00
quarto_para_alugar_001

D, R: Enock Carvalho e Matheus Farias P: Enock Carvalho e Thaynam Lázaro DP: Clarissa Dutra F: Rafael de Almeida S: Nicolau Domingues DA: Joana Claude Migeon M: Matheus Farias E: Joana Gatis, Clebia Sousa, Stella Maris Saldanha

Sinopse: Letícia mora sozinha. Após conhecer Gabriela numa festa e trazê-la para casa, estranhas movimentações passam a se desenvolver em seu antigo apartamento.

Porteiro do Dia

direção: Fábio Leal
BRA, 2016, 26', DCP, COR
faixa etária: 18 anos
CINEMA SÃO LUIZ · QUA · 02/11 · 14H00
oporteirododia1

D, R: Fábio Leal, P: Dora Amorim e Thaís Vidal / F: Tiago Calazans, DA: Thales Junqueira / S: Lucas Caminha e Nicolau Domingues / M: André Valença / E: Carlos Eduardo Ferraz, Edilson Silva

Sinopse: Marcelo decide ir além com Márcio.

Porto

direção: Gabe Klinger
FR/USA/PORT/POL, 2016, COR, DCP, 77'
CINEMA DO MUSEU · QUA · 02/11 · 17H15
porto-mon-amour-2015-005-lucie-meets-anton-by-monument-at-night_1000x750

D: Gabe Klinger / R: Gabe Klinger, Larry Gross / P: JIM JARMUSCH, RODRIGO AREIAS, SONIA BUCHMAN, NICOLAS R. DE LA MOTHE, GABE KLINGER / F: Wyatt Garfield / M: GABE KLINGER, GÉRALDINE MANGENOT / E: ANTON YELCHIN, LUCIE LUCAS

Sinopse: Jake e Mati são dois forasteiros na cidade do Porto que já tiveram uma breve, mas íntima conexão. Um mistério permanece sobre os momentos que eles passaram juntos e, ao buscarem em suas memórias, voltam a viver as profundezas de uma noite escondida pelas consequências do tempo.

Toni Erdmann

direção: Maren Ade
ALE/AUS, 2016, 162', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SAB · 29/10 · 14H30
CINEMA DO MUSEU · DOM · 30/10 · 11H00
toni-erdmann-maren-ade

d/p/r Maren Ade; e Peter Simonischek, Sandra Huller, Michael Wittenborn, Thomas Loibl, Hadewych Minis, Lucy Russel, Vlad Ivanov, Ingrid Burkhard; p Jonas Dornbach, Michel Merkt

Sinopse: Winfried, um professor de música de meia-idade, decide fazer uma visita surpresa a sua filha, a organizada Ines. Seu plano é simples e parece infalível: se reconectar com com ela através do seu valioso arsenal de piadas excêntricas. Para isso, ele se transforma em Toni Erdmann, um personagem bizarro. Ines, por sua vez, se desespera ao ver sua vida perfeitamente organizada abalada por um imprevisto desta proporção. Quando seu pai audaciosamente lhe pergunta “você está feliz?”, ela se vê sem resposta, dando ínicio a uma mudança profunda. Prêmio FIPRESCI em Cannes 2016.

Solon

direção: Clarissa Campolina
BRA, 2016, 16'25'', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SAB · 05/11 · 18H00
solon-clarissa-campolina

d/r Clarissa Campolina, pe Luana Melgaço, f Ivo Lopes Araújo m Luiz Pretti, s O Grivo, da Luiz Roque e Thais de Campos, ts O Grivo, mu O Grivo, e Tana Guimarães

Sinopse: Clarissa Campolina faz um ensaio de habitat – de um corpo no espaço, de um filme na sala. O corpo é o de uma figura ímpar, tanto particular quanto genérica, irreconhecível. O ambiente, um lugar qualquer neste planeta ou em outro. Algo mágico pode acontecer com esta maneira muito bonita e pessoal de ocupar.

Paterson

direção: Jim Jarmush
EUA, 2016, 113', COR, DCP
CINEMA DO MUSEU · QUI · 03/11 · 21H15
paterson-jim-jarmush

d/r Jim Jarmusch; p Joshua Astrachan, Carter Logan, e Adam Driver, Golshifteh Farahani, Barry Shabaka Henley, Cliff Smith, Chasten Harmon, William Jackson Harper, Masatoshi Nagase; f Frederick Elmes; m Affonso Gonçalves

Sinopse: Paterson trabalha como motorista de ônibus em uma pequena cidade em Nova Jérsei, curiosamente também chamada Paterson. Sua rotina é simples: todos os dias o jovem motorista segue por sua rota, observando a cidade enquanto escuta fragmentos de conversas. Em sua vida privada, ele escreve poemas em seu caderno de notas, passeia com seu cão e vai ao bar com sua esposa Laura beber uma única cerveja. Por outro lado, Laura está passando por um turbilhão de mudanças e a cada dia sonha com uma nova vida para ela. Do celebrado diretor Jim Jarmusch, com Adam Driver. Festival de Cannes 2016.

O Delírio é a Redenção dos Aflitos

direção: Fellipe Fernandes
BRA, 2016, 21', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SEX · 28/10 · 21H15
delirio

D, R: Fellipe Fernandes, P: Dora Amorim e Thaís Vidal, F: Gustavo Pessoa, DA: Thales Junqueira, S: Lucas Caminha e Nicolau Domingues, M: Quentin Delaroche, E: Nash Laila, Melissa Fernandes

Sinopse: Última moradora de um prédio ameaçado, Raquel precisa se mudar com a sua família o quanto antes. Este belo exercício de direção de Fellipe Fernandes, premiado em diversos festivais, revela tanto amor pela cena de cinema quanto pelo muito olindense bairro de Jardim Atlântico, onde se ambienta. É também crônica cinematográfica sobre espaço, com claro carinho fotogênico pelos folclóricos prédios-caixão.

O cinema, Manoel de Oliveira e eu

DIREÇÃO: João Botelho
POR, 2016, 81', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SAB · 05/11 · 16H00
20160714170023_2mzic49289y1399gf97d

d/r João Botelho, e Mariana Dias, António Durães, Ângela Marques, Maria João Pinho, Leonor Silveira, Marcelo Urgeghe; p Alexandre Oliveira; f João Ribeiro; mu Nicholas McNair; s João Eleutério; m João Braz

Sinopse: Tendo convivido por quarenta anos com Manoel de Oliveira, João Botelho faz uma homenagem ao mestre como quem revê um álbum de fotografias. Na ilha de edição, manuseia cenas de seus filmes enquanto as comenta como amigo íntimo e aprendiz. Ao final, põe mais uma figura no álbum ao filmar roteiro que Oliveira deixou virgem, confabulando um laço sanguíneo entre as duas filmografias.

O que está por vir

direção: Mia Hansen-Love
FRA, 2016, 102', COR, DCP
CINEMA DO MUSEU · DOM · 06/11 · 18H15
41_1474919248-6782

d/r Mia Hansen-Love; e Isabelle Huppert, André Marcon, Roman Kolinka, Edith Scob, Sarah Le Picard; p Charles Gillibert; f Denis Lenoir; m Marion Monnier

Sinopse: A vida da respeitada professora de filosofia Nathalie muda de rumo quando seu marido pede o divórcio. Em mais um exercício preciso de direção, a realizadora Mia Hansen-Løve devota-se à presença de Isabelle Hupert para levar a cabo um belo trabalho de personagem, tendo a maturidade e a política como substância textual, e o drama íntimo como ambiente.

Eu, Daniel Blake

direção: Ken Loach
GBR/FRA/BEL, 2016, 100', DCP, COR
CINEMA SÃO LUIZ · SEX · 28/10 · 21H15
i-daniel-blake-backdrop-1

D: Ken Loach R: Paul Laverty P: Rebecca O’Brien M: Robbie Ryan E: Dave Johns, Hayley Squires, Dylan McKiernan

Sinopse: Daniel Blake, 59 anos, trabalhou como marceneiro durante a maior parte de sua vida em Newcastle, Reino Unido. Agora, depois de um ataque cardíaco que quase o fez despencar de um andaime, ele precisa da ajuda do Estado pela primeira vez em sua vida. Em sua jornada burocrática, ele cruza o caminho de Katie e seus dois filhos. Para ela, só ha duas opções: viver em um abrigo para sem-tetos ou mudar-se para uma cidade a cerca de 500 quilômetros de Londres. Um retrato fiel da Grã-Bretanha moderna. Do mestre do cinema inglês Ken Loach. Palma de Ouro no Festival de Cannes 2016.

Gente Bonita

ficha técnica: Leon Sampaio
BRA, 2016, 74', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SAB · 05/11 · 18H00
gb-still-manuela

d/r Leon Sampaio pe Izadora Chagas e Lívia de Melo m Leon Sampaio e Marcelo Pedroso e/f/s Aleth Valverde, Arthur Schmidt, Fernando Tavares, Igor Paes, Lucas Martiniano, Manuela Carvalho, Michelle Sampaio, Rafael Pig e Tito Lago

Sinopse: Neste filme de invasão, jovens carnavalescos vestidos de abadá empunham paus de selfie e adentram os salões dos camarotes privados no Carnaval de Salvador. Em seu primeiro longa-metragem, Leon Sampaio desloca para o cinema uma experiência até então secreta aos nossos filmes, revelando o que se passa neste universo VIP enquanto produz um anti-musical de classe.

Elon não acredita na morte

Direção: Ricardo Alves Jr.
BRA, 2016, 75', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SAB · 05/11 · 18H00
elon-nao-acreditava-ricardo-alves

d Ricardo Alves Jr., p Thiago Macêdo Correia, Ricardo Alves Jr., Michael Wahrmann e Julia Alves, r Diego Hoefel, Germano Melo, João Salaviza e Ricardo Alves Jr., f Maheus Rocha, m Michael Wahrmann e Frederico Benevides, s Pablo Lamar, da Diogo Hayashi, e Rômulo Braga, Clara Choveaux, Lourenço Mutarelli, Grace Passô, Germano Melo, Silvana Stein, Eduardo Moreira, Claudio Marcio e Helvecio Alvez Izabel

Sinopse: Madalena, a esposa de Elon, desapareceu. Ele quer encontrá-la. A história é um princípio dramatúrgico para Ricardo Alves Jr. lapidar com rigor um personagem inquieto, insone e incansável. Rômulo Braga, premiado pelo papel em Brasília, carrega na tela um protagonista barroco para habitar uma Belo Horizonte labiríntica e sombria.

Elle

direção: Paul Verhoeven
EUA, 2016, 130', COR, DCP
CINEMA DO MUSEU · sab · 29/10 · 14H30
CINEMA SÃO LUIZ · seg · 31/10 · 21H40
elle-paul-verhoeven

d Paul Verhoeven; p Saïd Ben Saïd, Michel Merkt; r David Birke; e Isabelle Huppert, Laurent Lafitte, Anne Consigny, Charles Berling, Virgine Efira, Judith Magre, Christian Berkel, Jonas Bloquet, Alce Isaaz, Vimala Pons, Arthur Mazet, Raphaël Lenglet, Lucas Prisor; mu Anne Dudley; f Stéphane Fontaine

Sinopse: Michele, Diretora de uma empresa de videogames em Paris, é estuprada, mas suas atitudes após o ataque, sua postura diante dos amigos e do próprio agressor sugerem que ela irá recusar totalmente o papel de vítima. Verhoeven filma pela primeira vez em francês, dando continuidade a retratos muito particulares da “heroína”, tão presentes no seu cinema, de Louca Paixão (Turkish Delight, 1973) a Showgirls (1995) e A Espiã (Black Book, 2006).

Cinema Novo

direção: Eryk Rocha
BRA, 2016, 90', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · DOM · 30/10 · 14H30
cinemanovo_02

d Eryk Rocha, p Diogo Dahl, m Renato Vallone

Sinopse: Cinema Novo é um ensaio poético que investiga um dos principais movimentos cinematográficos latino-americanos, através do pensamento e fragmentos de filmes dos seus principais autores. O filme mergulha na aventura da criação de uma geração de cineastas que inventou, logo no início da década de 1960, uma nova forma de fazer cinema no Brasil – a partir de uma atitude política que juntava arte e revolução – e que tinha como desejo um cinema que tomasse as ruas e fosse ao encontro do povo brasileiro.

Câmara de Espelhos

Direção: Dea Ferraz
BRA, 2016, 76', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · SEX · 31/10 · 19H35
camara-008

d Dea Ferraz, pe Carol Vergolinho, r Dea Ferraz e Joana Collier, f Roberto Iuri, m Joana Collier, s Rafa Travassos, Justino Passos e Gera Vieira, da Lara Mafra, Nathália Gomes e Elizabete Ferraz

Sinopse: Um grupo de homens é selecionado no Recife para ingressar numa sala hermética, onde a diretora os observa e os filma. Uma televisão participa da conversa e, controlada meticulosamente dos bastidores, interrompe-os repentinamente com imagens diversas, nas quais as mulheres serão figura permanente. A diretora está à espreita para ouvir os comentários de seus personagens e nos revelar uma coleção de sintomas históricos. Em tempos de combate amplamente midiatizado ao machismo, surge no Brasil um filme de ação, com muita munição.

Being Boring

direção: Lucas Ferraço Nassif
BRA, 2015, 77', DCP, Cor
CINEMA DO MUSEU · QUA · 02/11 · 15H40
being-boring-2

D, R, M: Lucas Ferraço Nassif/ F: Bárbara Bergamaschi / Mu: Felipe Norkus/ S: Lucas Ferraço Nassif/ E: Andrea Pech, Bráulio Cruz

Sinopse: Ele está sentado no sofá. Ela, em pé na sala de estar, pronta para dançar. No toca-discos, o disco Behaviour, dos Pet Shop Boys, toca repetidamente. A câmera vagueia. Ele a observa. E então nos olha. Ela dança. Enchem o copo. Ela dança. Este jovem diretor faz um simples e instigante triângulo erótico entre os três: ele, ela e nós mesmos. Deslumbrante e hipermusical ensaio de performance e cena.

Banco Imobiliário

Direção: Miguel Antunes Ramos
BRA, 2015, 65', COR, DCP
Faixa etária: livre
CINEMA DO MUSEU · Sab · 05/11 · 17H10
banco-imobiliario_6

D, R: Miguel Antunes Ramos / PE: Max Eluard/ F: Alexandre Wahrhaftig / S: Jonathan Macias, Tales Manfrinato, Guilherme Shinji Montagem / E: Lia Kulakauskas

Sinopse: Em seu primeiro longa-metragem, Miguel Antunes Ramos persegue uma premissa simples: entrevistar corretores de imóveis e executivos de empreiteiras na capital paulista. O resultado é um compêndio de opiniões, crenças e relatos que dão dimensão particular – por vezes, de teor impressionante – ao debate sobre mercado imobiliário e urbanismo. O que é cidade?, pergunta o documentarista.

A Morte de Louis XIV

direção: Albert Serra
FRA/POR, 2016, 105', COR, DCP
CINEMA DO MUSEU · SEG · 31/10 · 18H40
42_1474921185-6815

D: Albert Serra R: Albert Serra, Thierry Lounas P: Thierry Lounas, Albert Serra, Joaquim Sapinho, Claire Bonnefoy F: Jonathan Ricquebourg M: Ariadna Ribas, Artur Tort, Albert Serra Mu: Marc Verdaguer E: Jean-Pierre Léaud, Patrick d’Assumçao, Marc Susini, Irène Silvagni, Bernard Belin, Jacques Henric

Sinopse: O registro fascinante de um crepúsculo, o processo de morte de um rei e a imagem da velhice de um rosto jovem do cinema, o rosto de Jean Pierre Léaud, imagem humana do cinema de Truffaut, de Godard e do cinema para sempre juvenil da Nouvelle Vague. O filme de Albert Serra nos apresenta um banquete de sensações muito fortes, todas ligadas ao tempo, à vida e à morte.

A cidade do futuro

direção: Claudio Marques e Marília Huhges
BRA, 2016, 75', COR, DCP
CINEMA SÃO LUIZ · QUI · 03/11 · 18H45
a-cidade-do-futuro-still-1

d/p Cláudio Marques e Marília Hughes, r Cláudio Marques, f Gabriel Martins, m Cláudio Marques e Joana Collier, s Edson Secco, da Carol Tanajura, ts NU (Naked Universe), mu NU (Naked Universe), e Milla Suzart, Gilmar Araújo e Igor Santos

Sinopse: O cenário é Serra do Ramalho, município sertanejo criado nos anos 1970 para receber desalojados após a construção de uma usina hidrelétrica. No local, Milla, Igor e Gilmar estão em vias de formar uma família não tradicional. Os realizadores aliam busca documental e busca sentimental, pondo o espaço em perspectiva histórica enquanto contam uma história de amor.

Animal Político

DIREÇÃO: TIÃO
BRA, 2016, 76', COR, DCP
FAIXA ETÁRIA: 16 ANOS
CINEMA SÃO LUIZ · SEX · 28/10 · 18H45
CINEMA DO MUSEU · SEX · 04/11 · 17H
vaca animal politico

d/r Tião; e Rodrigo Bolzan, Elisa Heidrich, Victor Laert, Mário Sergio Cabral, Isabel Novaes, Arthur Gomes, Marina Couceiro; p/m Leonardo Lacca; s Roberto Espinoza, Tião; mu Jon Wygens; f Marcelo Lordello, Gustavo Jahn, Melissa Dullius

Sinopse: Sentindo um vazio existencial profundo, uma vaca resolve deixar o conforto da sua vida de classe média e vagar em busca de iluminação. Parábola das mais originais do ano, nela o burlesco e a melancolia convivem com um senso apurado para a invenção.